20 Oct./out. | 11:00 and/e 17:00
Venue/local: Auditório Municipal Fernando Lopes-Graça

As voltas que a terra dá – Teatro para bebés [début/estreia]
EmbalArte |PT|

 

Creation and performance: Ângela Ribeiro and Susana Rosendo
Music: Cantar Mais
Image: Catarina Pé Curto
Scenography, props and wardrobe: EmbalArte
Executive production: EmbalArte
Production assistance: Companhia de Dança de Almada
Logistical assistance: APEM

The tree in the wind bows and the seed to the ground falls.
There are twists and turns by the earth, in a dance of Life, where the end is the beginning again.
When everything seems to be over, there comes a new path with new difficulties, discoveries and achievements …

This show celebrates the cycle of life and its beauty, as nature renews and recreates itself.

Ângela Ribeiro, actress, puppeteer, art education mediator. She studied in Escola de Dança da Academia Almadense and followed the courses of contemporary dance performers and of Dance instructor, organized by Fórum Dança. She attended the Puppet Theater Arts course, Scotland and the Puppetry Department of the Warsaw Academy of Theater in Poland. As part of the INOVART program, she interned in the education service at the Lázaro Galdiano Museum, Madrid. She has a Degree in Art History from the Univ. Nova Lisboa. She had complementary training in theater, puppetry and dance with Neville Tranter, Hoichi Okamoto, Koryu Nishikawa V, Didier Galas, Matteo Cifariello, Diana Rego, Marina Nabais, Carlos Agudelo Plata, Pedro Giestas, João Paulo Seara Cardoso, Jim Kroupa, Sephen Mottram, Richard Bradshaw, Paulo Duarte, José Jorge Duarte, Cláudia Dias, Márcia Lança, among others. She collaborated with The Puppet Lab, Teatro Nacional D. Maria II, Royal de Luxe, Marionetas de Mandrágora, Real Pelágio, Companhia de Dança de Almada, P.I.A – Projectos de Intervenção Teatral, O Mundo do Espectáculo, Companhia de Actores, Valdevinos Teatro de Marionetas, João Lizardo, Maria Radich, Marina Nabais, Catarina Pé-Curto, Ana F. Gouveia. She created the shows Viajando com Violeta, O Fazedor de Vidas, Alice no País das Maravilhas, Bem me quer, Mal me quer. In 2015 she created “Histórias na ponta da língua | narração oral” and in 2017, with Susana Rosendo, “EmbalArte – teatro para a 1ª infância”.

Susana Rosendo was born in 1980 and began her dance training under the RAD method. She attended the school of Conservatório Nacional and was taught by Maria Franco. With a degree in Childhood Education, she has worked in various kindergartens as a team leader. In Companhia de Dança de Almada she participated in several artistic projects as a dancer and teacher and has taught body expression workshops for children. Complementary, she is an instructor in holiday camps, party and events coordinator, and has developed various projects with different entities such as Zarabatana and Praznik, among others. She received training in the ABA method, having worked with children within the autism spectrum. Since 2011, in partnership with music teacher Maria João Costa, she has been developing music and movement workshops for babies for A Casa da Dança. She currently teaches dance classes for children, youth, and seniors at Ca.DA School and organizes movement workshops in the community at schools, IPSS and Associations that support youth and adults with disabilities. In 2017, with Ângela Ribeiro, she created EmbalArte, a theater group for babies and early childhood, with the play “De Lés a Lés Saberás Quem És”.

Duration: approx. 30 mins
A performance for children aged between 6 months and 5 years accompanied by an adult on stage.
5€, 2,5€ for children up to 12 years

/

Criação e interpretação: Ângela Ribeiro e Susana Rosendo
Música: Cantar Mais
Imagem: Catarina Pé Curto
Cenografia, adereços e figurinos: EmbalArte
Produção executiva: EmbalArte
Apoio à produção: Companhia de Dança de Almada
Apoio logístico: APEM

A árvore ao vento se inclina e a semente à terra se deita.
São voltas e voltas que a terra dá, numa dança de Vida, onde o fim é de novo o início.
Quando tudo parece ter terminado, surge um novo caminho, com obstáculos, descobertas e conquistas…

Este espetáculo celebra o ciclo da vida e a beleza: como a natureza se renova e se recria.

Ângela Ribeiro, atriz, marionetista, mediadora educação artística. Formou-se na Escola de Dança da Academia Almadense e nos cursos de Intérpretes de Dança Contemporânea e de Reciclagem de Monitores de Dança, organizados pelo Fórum Dança. Frequentou o curso Puppet Theatre Arts, Escócia e o Departamento de Marionetas da Academia de Teatro de Varsóvia, na Polónia. No âmbito do programa INOVART, estagiou no serviço educativo do Museu Lázaro Galdiano, Madrid. Licenciada em História de Arte, Univ. Nova Lisboa. Teve formação complementar em teatro, marionetas e dança com Neville Tranter, Hoichi Okamoto. Koryu Nishikawa V, Didier Galas, Matteo Cifariello, Diana Rego, Marina Nabais, Carlos Agudelo Plata, Pedro Giestas, João Paulo Seara Cardoso, Jim Kroupa, Sephen Mottram, Richard Bradshaw, Paulo Duarte, José Jorge Duarte, Cláudia Dias, Márcia Lança, entre outros. Colaborou com The Puppet Lab, Teatro Nacional D. Maria II, Royal de Luxe, Marionetas de Mandrágora, Real Pelágio, Companhia de Dança de Almada, P.I.A – Projectos de Intervenção Teatral, O Mundo do Espectáculo, Companhia de Actores, Valdevinos Teatro de Marionetas, João Lizardo, Maria Radich, Marina Nabais, Catarina Pé-Curto, Ana F. Gouveia. Criou os espetáculos “Viajando com Violeta”, “O Fazedor de Vidas”, “Alice no País das Maravilhas”, “Bem me quer, Mal me quer”. Em 2015 cria “Histórias na ponta da língua | narração oral” e em 2017, com Susana Rosendo, ” EmbalArte – teatro para a 1ª infância”.

Susana Rosendo nasceu em 1980 e iniciou a sua formação em dança com o método Royal. Frequentou a escola de dança do Conservatório Nacional e foi aluna da professora Maria Franco. Licenciada em Educação da Infância, trabalhou em diferentes infantários, tendo sido orientadora de estágios. Na Companhia de Dança de Almada participou em vários projetos artísticos como intérprete, formadora e como orientadora de ateliers de expressão corporal para crianças. Como formação complementar salienta, monitora de colónias de férias, animadora de festas e eventos, tendo desenvolvido variados projetos com diversas entidades, Zarabatana, Praznik, entre outros. Recebeu formação no método ABA, tendo trabalhado com crianças dentro do espectro do autismo. Em parceria com a professora de música Maria João Costa, desenvolve para A Casa da Dança, há sete anos, ateliers de música e movimento para bebés. Atualmente leciona aulas de dança na Ca.DA Escola, a crianças, jovens e seniores e dinamiza ateliers de movimento junto da comunidade em escolas, IPSS e Associações que apoiam jovens e adultos portadores de deficiência. Em 2017, com Ângela Ribeiro, cria EmbalArte, grupo de teatro para bebés e 1ª infância, com a peça “De Lés a Lés Saberás Quem És”.

Duração: aprox. 30’
Espetáculo para crianças dos 6 meses aos 5 anos, acompanhadas de um adulto em palco
5€, 2,5€ para crianças até 12 anos

Both comments and pings are currently closed.